Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




O segredo do SUCESSO - Planeamento

por Kombat Lovers, em 22.07.13

Quer ter SUCESSO?

O SUCESSO tem um preço e tem regras. Ninguém tem SUCESSO porque tem sorte. Só um tolo pode pensar assim.

O SUCESSO, seja em que área for da vida, resulta sempre de trabalho e dedicação.

O Mestre Henrique Nunes (7º Dan de JUDO) dizia-me sempre, "99% de trabalho e 1% de inspiração". E esta é uma boa forma de perceber o que é o SUCESSO.

Além do mais, o SUCESSO nunca é a mesma coisa para duas pessoas diferentes. Um homem pode sentir-se realizado e bem sucedido com coisas que podem parecer disparates completos para qualquer outra pessoa.

Muitas pessoas confundem SUCESSO com uma conta bancária recheada, mas isso também não é SUCESSO.

SUCESSO, é finalizar com êxito uma tarefa, uma missão, um acontecimento. O SUCESSO parte sempre de um desejo de conseguir fazer algo. Quando esse objetivo é atingido há SUCESSO.

 

O SUCESSO não acontece por acaso. Quanto mais formos sistemáticos na preparação do nosso trabalho, maior probabilidade teremos de ser bem sucedidos. Quanto mais metódicos, organizados e disciplinados formos, mais hipóteses temos de ter SUCESSO.

O SUCESSO também pode acontecer de uma forma desregrada e sem organização, sem um plano, mas demorará certamente mais tempo a acontecer.

 

Aqui fica uma receita que pode ajudar a atingir o SUCESSO:

  1. Seja positivo;
  2. Defina qual o seu objetivo e faça um plano para atingi-lo. Escreva tudo o mais pormenorizadamente possivel;
  3. Defina objetivos claros, com metas e prazos para atingi-las;
  4. Confie nas suas capacidades;
  5. Seja humilde, abandone completamente qualquer espécie de sentimento de superioridade. Ponha de parte todas as certezas que tem acerca do projeto e esteja disponivel para mudar a qualquer momento;
  6. Trabalhe arduamente e com qualidade;
  7. Não invente desculpas para as falhas e erros que for cometendo. Aprenda com esses erros e enquanto acreditar que é possivel, ... nunca desista.


1 - +++

Existem pessoas que parecem especializar-se em ser negativas. Cosntroem à sua volta uma barreira de preconceitos e vivem numa constante procura de justificações e pretextos para explicar o seu insucesso. Isso é uma questão de mentalidade. E a nossa mentalidade é apenas fruto daquilo que nós queremos ser. Se seguirmos como orientação ideias e pessoas com principios negativos, então, certamente vamos também tornar-nos pessoas negativas.

 

 

Qualquer tarefa, atividade ou trabalho tem uma finalidade, um objetivo. Essa tarefa, atividade ou trabalho devem ser sempre feitos num ambiente positivo e partilhado com pessoas e ideias positivas.

Gente e ideias negativas atraem resultados negativos. Muitas vezes são pessoas mal sucedidas e que não se sabem orientar a si próprios.

Diz-me com quem andas e dir-te-ei quem és.

Afaste-se de pessoas que não acreditam firmemente em si. Aproxime-se de pessoas positivas.

Não permaneça muito tempo ao pé de pessoas que se estejam sempre a lamentar e a queixar-se de tudo quanto os rodeia. Essa é uma doença contagiosa que se pega com muita facilidade.

Quem quer ter resultados nunca terá sucesso rodeado dessas mentalidades.

Esses são "os ladrões de sonhos", não constroem nada na vida e só obstroem o trabalho que os outros estão a fazer. AFASTE-SE DELES!!!

 

2 - Ter um sonho e ter um plano atualizado, com objetivos bem definidos, para tingir esse sonho;

Para cada ação na Vida devemos ter um plano. Se eu preciso de comprar comida e vou às compras tenho de saber o que quero comprar e devo fazer uma lista dos artigos que tenho de trazer comigo quando voltar das compras.

Se eu fizer a lista, quando chego ao supermercado sei o que procuro e em que quantidade, caso contrário, chego a casa e percebo que não trouxe algumas coisas de que necessitava.

Fazer um plano é fácil. Sente-se durante alguns minutos e defina as suas necessidades. A partir daí tem um guia para o que quer fazer. As pessoas que escrevem os seus objetivos e que lêem com frequência esse papel onde os escreveram, têm muito mais probabilidades de atingir esses objetivos. Porquê? Porque uma vez escrita, uma ideia não se desvanece com o tempo. A nossa memória não é ilimitada e o nosso cérebro dá sempre mais atenção às coisas que lhe são recordadas com frequência. O maior estimulo para o nosso cérebro é a imagem. Por isso se diz que uma imagem vale mais que 1.000 palavras. Assim, faça uma coisa por si mesmo, escreva o seu plano e leia-o todos os dias ao acordar.

Esse plano vai tornar-se o centro  da sua vida e as probabilidades de sucesso serão muito elevadas. Ajude-se a si mesmo. Planeie constantemente e mantenha os seus planos atualizados. Sempre que descobrir uma fraqueza no seu plano, escreva-a e atualize o seu plano.

 

Sonhe e decida o que quer fazer na sua vida

 

Faça um plano

 

O espirito deve ser o de superação, e a superação só aparece perante as adversidades. Assim, não se deve esperar momentos fáceis, devemos impor-nos a nós próprios ambientes de treino e trabalho adversos, para garantir um grande esforço e dificuldade nos obstáculos a ultrapassar e daí virá a crescer a capacidade de superação constante dos desafios.

Progressivamente, devemos habituar-nos a superar desafios cada vez maiores. Isso fará despelotar a nossa consciência para sermos mais fortes e nada temer quando confrontados com dificuldades.

 

3 - Defina objetivos elevados, mas alcançáveis e prazos para atingi-los;

Quando definir objetivos ponha a fasquia alta. Não tão alta que seja impossivel de atingir, mas obrigue-se a fazer mais e melhor. E defina desde inicio qual é o prazo limite para atingir o objetivo. E não deixe passar os prazos. Habitue-se a cumprir.

 



4 - Estar confiante das suas próprias capacidades

Muito importante para conseguir ser bem sucedido é, também, cultivar a autoestima. Não basta ser positivo, é necessário adicionar a essa positividade o brio e a autoconfiança.

 

EU SOU CAPAZ 

 

5 - Ser humilde

 

 

6 - Trabalhar bem

Fazer é um trabalho. Trabalhar é uma ciência. Trabalhar bem é uma Arte.

Um operário faz o quer lhe mandam, é um fazedor. Um trabalhador faz as coisas bem feitas, estuda, prepara-se e executa o seu trabalho com qualidade e perfeição.

Não seja um fazedor. Seja um artista...

 

 

7 - Não inventar desculpas para o insucesso e nunca desistir.

O SUCESSO não é o resultado de choraminguices, lamechices nem de justificações. O SUCESSO é unica e exclisivamente o resultado da persistência e do trabalho.

Não perca tempo a justificar os fracassos. Concentre-se nas soluções que precisa de encontrar para atingir os seus objetivos.

É importante ter consciência de que existem muito poucas coisas impossivéis. Somos sempre capazes e não podemos considerar que o insucesso foi resultado do azar, da má sorte ou culpa de outros.

 

Nick Vuijicic

 

O insucesso e o fracasso são próprios de quem desiste. São como que uma marca registada das pessoas que sofrem de "DESCULPITE". Essas pessoas vivem a inventar razões e motivos para justificar o seu insucesso, ao invés de tentarem encontrar soluções para atingir os seus objetivos e o SUCESSO.

Os perdedores são normalmente pessoas especializadas em DESISTIR e depois procurar mil e uma desculpas para justificar o seu insuceso. Se investissem toda a energia que gastam a procurar essas justificações para o insucesso, na procura de soluções, muitas das vezes em que fracassam seriam capazes de ser bem sucedidas.

 

Os vencedores são pessoas que se focam em:

  1. perceber onde estão as falhas
  2. perceber onde foram cometidos erros
  3. encontrar soluções para ultrapassar essas falhas e esses erros
  4. nunca desistir

Ter sucesso não depende de ter sorte. O sortudo que ganha a lotaria não tem sucesso, tem sorte. Por outro lado, uma pessoa que constrói uma empresa, que consegue ter uma familia estável, que consegue atingir os objetivos que traçou, quaisquer que sejam eles, tem SUCESSO.

 

O segredo está então em:

  1. Ser positivo;
  2. Ter um sonho e ter um plano sempre atualizado, com objetivos claramente definidos para tingir esse sonho;
  3. Procurar desafios cada vez mais dificeis, mas não impossíveis de superar e definir prazos para alcançá-los;
  4. Estar confiante das suas próprias capacidades;
  5. Ser humilde e estar disponivel para mudar o plano;
  6. Trabalhar arduamente;
  7. Finalmente, não perca tempo a justificar as suas falhas e erros. Concentre-se em procurar soluções para ultrapassar as suas dificuldades e nunca desista.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 10:27


Publicidades engraçadas

por Kombat Lovers, em 21.07.13

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 16:46


Fandango - Cultura, Folclore e Arte marcial

por Kombat Lovers, em 20.07.13











Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 10:18

Lendo os TAGS "Origens" e "Defesa Pessoal" e "Artes Marciais" deste blog, compreende-se perfeitamente que as origens das Artes Marciais, das Lutas e dos desportos de Combate foram diversas e tiveram lugar em vários pontos do Globo e em diferentes culturas.
Mas todas foram motivadas por uma necessidade e anseio. As pessoas em geral precisam de defender-se e procuram formas de fazê-lo.
 
 

 
 
Com o passar dos tempos e com o aparecimento das civilizações ocidentais, onde a segurança e o bem estar passaram a ser um Direito inalienável e uma responsabilidade do Estado para com os seus cidadãos, a vida em sociedade tornou-se mais segura e passou-se a ter menos preocupações com a auto proteção.
Se bem que ainda existam sociedades onde estas modalidades são muito procuradas para auto proteção, hoje em dia, elas são muito mais procuradas como uma forma de vida, de auto conhecimento e manutenção do bem estar físico.
 
E qual é o futuro das artes marciais?
Olhem para a nossa atualidade e vejam o que aconteceu ao Mundo. As fronteiras quebraram-se. Agora a Europa é um grande País, o muro de Berlim caiu e a Alemanha está reunificada o que permite que o Leste e o Oeste se cruzem. A China abriu as suas portas ao Ocidente e qualquer cidadão pode entrar e sair livremente. Isso leva a que os negócios cresçam, com os negócios, as pessoas viajam, comunicam, conhecem-se e aprendem a conviver mais e melhor, em sociedade.
O resultado disso é que as pessoas se movimentam livremente, comunicam, interagem e cada vez mais pessoas de Países diferentes encontram-se, juntam-se, casam-se, têm filhos e os seus filhos não são nem brancos, nem amarelos, nem pretos, nem nada mais do que pessoas. Continuam a ser pessoas, filhos de pais de países diferentes, com origens diferentes, mas são pessoas, como todas as outras.
 
Os fundamentalistas podem achar que não, mas as Artes Marciais são como as pessoas. As Artes Marciais, evoluem, cruzam-se, e por muito que alguns não queiram, o futuro é precisamente esse. As Artes Marciais, os Desportos de Combate, os Sistemas de Combate, as Lutas e a Defesa Pessoal, vão cada vez mais cruzar-se, misturar-se e a evolução será cada vez mais rápida, ao ponto de poder perder-se a identidade de algumas delas, pois a certa altura pode quase não se perceber o que são, ou qual a sua finalidade...
Mas uma coisa é certa, o homem gosta de lutar e combater, por isso estas modalidades vão pervalecer e continuar a existir.
No século XXII o MMA, o KUDO, o SAMBO, o JUDO, e o KARATE, continuarão a existir, mudando ou não de nome, tal como o YI QUAN mudou de nome no Japão evoluindo para o TAIKIKEN. O WING CHUNG é outro exemplo, que evoluiu para diversas variantes, nascendo daí o JEET KUNE DO, o WIN TSUN e mais recentemente o WIN REVOLUTION do Sifu Espanhol Victor Gutiérrez.
Todas estas modalidades passaram e continuarão a passar de geração em geração. Quer seja como Artes Marciais, ou como Desportos, ou por qualquer outra forma, hão-de sobreviver.
Provavelmente poderão parecer desfocadas ou adulteradas para um praticante mais velho, mas é o resultado da evolução. O tempo não pára e o Mundo evolui para outras formas que, para os mais conservadores, parecem sempre inadequadas ou desajustadas. Como tudo na vida neste mundo em que vivemos, só há uma hipótese de sobreviver, adaptar-se. As espécies que não se adaptam morrem. o mesmo sucederá com as modalidades Marcias e de luta que não se souberem adaptar aos tempos modernos. Morrerão.
 
O KUDO, O SAMBO, O MMA são o exemplo recente dessa evolução. Todas estas modalidades foram desenvolvidas por homens visionários no final do século XX. O mesmo já se tinha passado em finais do século XIX e início do século XX com o Judo e o Karate.
No século XXI, o poder e a velocidade viral da WEB, vão apenas potenciar o aparecimento e evolução, cada vez mais rápidos, de novos estilos e modalidades.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 19:08


Yi Quan - A origem do Taikiken

por Kombat Lovers, em 11.07.13
O YI QUAN tem muitas variantes disseminadas pelo mundo por diferentes escolas. Todas derivam do Xin YI QUAN.


YI QUAN



A adaptação Japonesa do Yi QUAN foi desenvolvida por Kenichi Sawai, que chamou TAIKIKEN à nova variante.

Kenichi Sawai passou a arte a muitos discipulos, entre eles o criador do Karate Kyokushinkay, Masutatso Oyama, de origem Coreana (nascido na Coreia, Oyama declinou o seu nome de nascença que era Hyung Yee para adotar o nome Japonês Masutatso Oyama).

O TAIKIKEN foi uma das 3 Artes basilares que Oyama usou para criar o Kyokushinkay (Shotokan, Gojo Ryu e Taikiken).


TAIKIKEN





Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 02:03

Quanto mais relaxado e descontraido o corpo estiver mais capacidade terá de desenvolver performances de elevado nível.

Assim, a MEDITAÇÂO desempenha um papel deveras importante, para ajudar os praticantes das Artes Marciais e Desportos Associados e desenvolver melhores condições emocionais para a prática destas modalidades.




A prática da MEDITAÇÃO deve ser adequada ao perfil psicológico do praticante e deve ser progressivamente aprendida e evoluída.

Existem formas de MEDITAÇÃO Estáticas (feitas numa posição estática, sem movimento) e Dinâmicas (feitas em movimento). Será díficil para uma pessoa muito ativa e que não conheça as formas de MEDITAR começar a fazer MEDITAÇÃO partindo logo de formas estáticas.

Por isso devem fazer-se aproximações à MEDITAÇÃO, utilizando por exemplo o Chi Kung. Desta forma a adaptação a diferentes estados de consciência será mais fácil.


Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 10:28


SAMBO

por Kombat Lovers, em 07.07.13
Nos Países do Leste Europeu, existe uma verdadeira paixão pelas Lutas. Essa paixão é cultural. Como em muitas outras culturas, as Lutas fazem parte do educação e do folclore. Daí resultou que, apesar do SAMBO ter nascido para ser um Sistema de Defesa Pessoal para as Forças Policiais e Militares, rapidamente extravasou esse universo e ganhou fama e interesse na comunidade cívil, acabando por ser dinamizado como Desporto.

O SAMBO é sem dúvida uma modalidade muito versátil, o que permite a adaptação dos seus praticantes, com muita facilidade, a outros estilos. Os Atletas oriundos deste desporto são muitas vezes encontrados a participar em campeonatos de outras modalidades. Isso facilitou a entrada e desenvolvimento de modalidades como o Judo e o Kudo nos Países do Leste Europeu e resulta daí a popularidade que estas modalidades Japonesas facilmente conquistaram naqueles Países.






O SAMBO é praticado basicamente em duas variantes.

Uma delas é o SAMBO DESPORTIVO, que obviamente tem a pretenssão de ser desporto Olímpico.

Outra variante que começa hoje em dia a ser muito apreciada é o COMBAT SAMBO uma disciplina do SAMBO que permite a utilização de socos pontapés, cotoveladas joelhadas, e chaves a todas as articulações, muito à semelhança do Kudo.

A Federação Internacional de SAMBO, procura presentemente reunir apoios no sentido de conseguir que o SAMBO Desportivo seja modalidade de demonstração nas Olimpiadas de 2016 ou em 2020.






O SAMBO DESPORTIVO - muito semelhante ao JUDO





O COMBAT SAMBO - Uma variante muito próxima do MMA





Para criar o SAMBO, os seus mentores fizeram o somatório de todas as formas de Luta e Artes Marciais praticadas nos Países da União Soviética, no século XX e acrescentaram-lhe aquilo que entenderam ser o melhor que podiam encontrar nas Artes Asiáticas.







Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 09:22

O que é MEDITAR?

MEDITAR não tem regras. MEDITAR não tem tempo. MEDITAR não tem posições obrigatórias.

MEDITAR é Tempo. Tempo para não pensar em "NADA" e em "TUDO", ao mesmo tempo.

E Tempo, é um bem precioso, muito precioso.

Mas será o Tempo tão precioso, que não podemos desperdicá-lo para descansar sequer?

Ou será ele tão mais valioso precisamente por isso? Para podermos dar-nos ao luxo de desperdiçá-lo, sentados a olhar um Pôr do Sol e as ondas do mar a bater na rocha.

Os Orientais, com as escolas de Filosofia e Religião Shinto, Taoista e Confucionista e com o entendimento do "CHI" do "YIN" e do "YANG", têm mais facilidade em entender a importância de "PARAR", de ter tempo para pensar em "TUDO", de ter tempo para pensar em "NADA", ou seja, MEDITAR.

A vida acontece e nós a vê-la acontecer.

Por vezes, parece não haver tempo, mas há.

Temos todo o tempo do Mundo, ... todo o tempo, ... basta querermos!

Em vinte e quatro horas, o tempo que dura um dia, bastam-nos cinco minutos. Cinco minutos são o tempo suficiente  para espairecer, aclarar as ideias ou mudar de ideias.

Por vezes focamo-nos tanto no pequeno Mundo em que vivemos, na profissão, na moda, no desporto, esquecendo-nos que há mais vida, para além da vida que conhecemos.

E essa vida, que não vemos, está mesmo ali ao nosso lado, passa-nos despercebida, porque não damos a nós próprios a oportunidade de a ver.

Pare e olhe à sua volta... Gaste cinco minutos do seu dia para olhar ao seu redor.

Pense no que está errado, pense em como podia mudar para melhor e vai notar uma grande diferença no seu dia a dia.

Bruce Lee dizia, "Seja como Água, ...".

Adapte-se, transforme-se, modifique a sua vida, para descobrir novas formas de estar e viver em harmonia com o Mundo que o rodeia.

Acima de tudo adapte a sua vida para finalizar todos os dias com a certeza de estar feliz e a sentir-se bem com o que faz.

 

Não faça nada porque tem que ser. Faça porque gosta de fazer.

Divirta-se e Seja Feliz!!!

 

 

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 08:25

Significado de KUDO - A palavra "KU" é o resumo de três conceitos:

  1. Mujou Kan - Tudo quanto é fisico é susceptível de mudar de forma, por isso, as coisas físicas são vazia de significado, não têm valor;
  2. Sougo Izonn - O mundo físico é interdependente. As coisas relacionam-se e só existem porque existem outras que as sustentam ou suportam, por isso, não devemos basear a nossa vida nas nossas certezas absolutas e nas nossas convicções;
  3. Huenn Hutou - Devemos manter a mente aberta, devemos ser imparciais e liberais, mantendo-nos sempre afastados dos preconceitos.
DO significa "Caminho", "Via", uma forma de viver pela qual nos conduzimos.
Assim, KUDO significa a forma de viver de acordo com os três conceitos do "KU"
Definição Técnica - Arte Marcial / Desporto
Origem - Japão
Origem Técnica - Artes Marciais e Desportos de Combate. O KUDO reúne técnicas e estilos recolhidos do Ju Jutsu, Judo, Karate, Muay Thai, Boxe, Luta Livre, e outras Artes e Desportos.
Fundação - 1981
Fundador - Takashi Azuma 
História - O Mestre Takashi Azuma nasceu na cidade de Kesen Numa, na Prefeitura de Miyagi, em 1949. Em 1965, com 16 anos, começou a treinar Judo e a partir daí dedicou a sua vida às Artes Marciais e aos Desportos de Combate. Aos 22 anos iniciou o seu estudo do Karate, treinando com Matsutatsu Oyama, o criador do estilo Karate Kyokushinkai.
Azuma dedicou-se inteiramente ao estudo do Kyokushin e participou em praticamente todos os grandes torneios e ventos da modalidade com excelentes resultados e em 1977 venceu 9º Kyokushin National Tournament, a prova rainha da modalidade, que se disputa anualmente no Japão e que é, hoje em dia, uma prova aberta a todos os participantes Internacionais.
Em 1975 havia já decidido que queria abrir os horizontes e procurar novas experiências tendo-se mudado para os Estados Unidos da América.
A partir daí o Mestre Azuma tornou-se também um visitante assiduo das escolas de Muay Thai na Tailândia e de toda essa experiência, nasceu o desejo de criar um estilo mais completo e abrangente. Começou então a germinar a ideía do Daido Juku Karate Do, que viria mais tarde a evoluir para ser um Desporto e passou a chamar-se KUDO.
Princípio/Conceito - Treinar com a maxima intensidade e disciplina para tornar o lutador um combatente possante com uma forte capacidade física e rigoroso nos seus objetivos de superação. Treinar todo o tipo de técnicas e estilos, sem preconceitos, por forma a permitir ao praticante proteger-se, atacar e contra-atacar qualquer adversário, independentemente do estilo ou técnica com que somos confrontados.
Num estilo aberto, o Kudo permite todo o tipo de ações de ataque a todas as partes do corpo utilizando socos, pontapés, cotoveladas, Joelhadas, luxações e estrangulamentos.
Grandes Mestres e Referências - Frank Perry (GBR); Peter Costerdine (GBR); Geoff Thompson (GBR); Semmy Schilts (HOL);
Livro Referência
 
 
English Version
 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:33


Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D